fbpx
contratar seguro contratar seguro

Contratar seguro é um gasto ou investimento? Entenda aqui

3 minutos para ler

Você acha que contratar seguro de qualquer espécie — vida, residencial, automóvel, saúde — é um gasto ou um investimento? Saiba que o conceito que você carrega sobre esse tipo de serviço pode fazer muita diferença nos eventos de sua vida, afinal, ninguém pode dizer nunca ter sido surpreendido pelo acaso.

Então, se você já teve dúvidas se contratar um seguro é algo importante ou desnecessário, continue com a leitura e conheça as principais vantagens de se investir neste tipo de contratação. 

Por que contratar um seguro?

Contratar um seguro não é necessariamente um gasto, mas um investimento que pode proteger pessoas e bens. Adquirir um seguro significa ter a garantia de despesas cobertas em caso de eventos inesperados e adversos ou sinistros, como chamam as corretoras e seguradoras. 

Sem contar que a relação custo-benefício costuma ser melhor que as alternativas de investimento no mercado financeiro. O recebimento da totalidade do dinheiro não depende do tempo de aplicação, no caso de uma ocorrência repentina. Os seguros também servem para garantir a proteção de dependentes, no caso de imprevistos trágicos, assim como a possibilidade de cobertura de doenças graves e despesas médicas e hospitalares. 

Além disso, são ideais para a proteção de bens materiais. Casas, carros, smartphones, computadores, para qualquer coisa existe uma opção de proteção. A pessoa pode aproveitar tudo o que adquiriu em sua vida com tranquilidade. 

Quando se pensa em bens materiais, geralmente a contratação de um seguro oferece algumas opções de serviços em suas apólices. Por exemplo: no seguro de um carro pode estar incluso guinchos e atendimento 24h; o residencial pode oferecer os serviços de eletricistas, chaveiros e encanadores. Os atendimentos oferecidos variam de acordo com as necessidades do contratante.

Como escolher uma boa corretora de seguros?

No processo de se contratar um seguro, é muito importante escolher uma boa corretora. Corretoras qualificadas oferecem a orientação adequada que considera a necessidade do cliente e o melhor custo-benefício. Elas são o elo entre os clientes e as seguradoras, ajudando e facilitando a contratação dos seguros. Fazer tudo por conta própria pode não ser a atitude mais sensata.

A corretora é a empresa mais capacitada para identificar as reais necessidades e perfil correto do cliente quando esse estiver em dúvida. Portanto, para escolher uma boa corretora, atente-se a alguns cuidados como:

  • busque referências com pessoas de confiança: procure saber a opinião delas e de outros clientes da empresa;
  • veja as avaliações na internet e redes sociais: as pessoas costumam ser bastante sinceras nesses meios e também é possível ter uma noção da postura da empresa diante de avaliações negativas;
  • entre em contato com a corretora: avalie seu atendimento e cheque a quantidade de opções que ela oferece, assim como os recursos pós-venda.

Lembre-se: contratar um seguro é realmente um investimento muito importante e que pode fazer muita diferença em sua vida. Portanto, não deixe de escolher com cuidado a corretora que vai te proporcionar o melhor atendimento e orientação. 

O conteúdo deste artigo foi útil para você? Então, assine a nossa newsletter e receba conteúdos informativos e relevantes feitos pensando em você.

Posts relacionados

Deixe um comentário