fbpx
taxas condominiais taxas condominiais

Como os condôminos podem simplificar o pagamento de taxas condominiais?

6 minutos para ler

As cobranças presentes em um condomínio podem ser de várias naturezas, que vão desde os impostos até os gastos pessoais. Para que uma administração alcance bons resultados, é fundamental realizar a correta cobrança da taxa condominial.

Nesse sentido, é importante destacar que a taxa condominial consiste em um valor cobrado de cada morador para pagar as despesas do local, relacionadas com as áreas comuns do condomínio, como serviço, manutenção e melhorias.

Sendo assim, continue a leitura e veja como os condôminos podem simplificar o pagamento de taxas condominiais!

 Quais são as taxas condominiais?

Existem dois tipos de taxas condominiais, sendo a taxa ordinária e a taxa extraordinária. A primeira é formada pelos gastos referentes à administração e as necessidades básicas do condomínio, como consumo de água, luz, gás, esgoto de áreas comuns, manutenção, salários, contribuição previdenciária dos colaboradores, rateio de saldo devedor durante o tempo de aluguel do imóvel, reposição do fundo de reserva e equipamento de prevenção contra possível incêndio.

Já as taxas extraordinárias abrangem todos os custos não rotineiros, por exemplo, pintura das fachadas, instalação de iluminação, obras de reforma que visam mudar a estrutura do lugar, instalação de equipamentos de segurança, despesas com decoração, constituição do fundo de reserva e indenizações trabalhistas e previdenciárias dos funcionários. É fundamental salientar que, de acordo com a Lei 8.246/91, as taxas condominiais ordinárias precisam ser pagas pelo locatário e as taxas extraordinárias precisam ser pagas pelo dono do imóvel.

O que é considerado para fazer o cálculo delas?

A taxa condominial vai depender do lugar em que você reside. O cálculo pode ser feito de diferentes formas. Confira como é realizado:

  • na fração ideal, o cálculo é fundamentado no tamanho da propriedade privada. Caso o dono apresente uma fração maior, pagará um valor diretamente proporcional;
  • na unidade, a fração é igual para todos, independentemente do tamanho;
  • na forma híbrida, em alguns casos, é aplicada a fração ideal, em outros, o rateio por unidade.

Sendo assim, existem essas três maneiras de cálculo da taxa condominial. O síndico é que definirá a melhor modalidade. É preciso que o condomínio opte pela maneira mais justa.

Como os moradores podem simplificar os pagamentos das taxas condominiais?

As taxas condominiais são muito importantes para o desenvolvimento do condomínio, pois vão interferir significativamente em suas atividades. Caso a inadimplência seja muito elevada, o síndico terá alguns contratempos. Desse modo, é fundamental simplificar a forma de pagamento dessas taxas, confira!

Planeje-se

Para conseguir pagar as taxas, é necessário que você planeje esse pagamento. Portanto, anote essa obrigação e saiba que é fundamental pagar em dia.

Entenda como é feita a cobrança

Saiba a forma que o seu condomínio realiza a cobrança das taxas, assim você já saberá o que deve fazer e pode buscar estratégias que facilitarão essa tarefa. Quando você não sabe a forma utilizada, acaba ficando perdido e atrasando o pagamento. Procure a pessoa responsável para ajudar você durante esse processo.

Tenha uma reserva de emergência

Tem meses que as coisas apertam, e isso faz com que algumas contas fiquem atrasadas, como as taxas de condomínio. Para que isso não aconteça, busque ter uma reserva de emergência. Logo, quando as coisas ficarem difíceis, você saberá de onde tirar dinheiro. Assim, conseguirá evitar maiores dores de cabeça.

Conte com a tecnologia

A tecnologia surgiu para facilitar a vida dos cidadãos. Assim, para deixar o pagamento das taxas do condomínio mais otimizado, conte com a ajuda das novas ferramentas. Alguns aplicativos permitem que você consiga realizar um pagamento a qualquer hora e de qualquer lugar, com apenas alguns cliques. Dessa maneira, o pagamento das taxas fica mais simples de ser feito. Contar com essa facilidade em seu dia a dia é primordial. Afinal, você não perde tempo e mantém suas obrigações em dia.

Use uma plataforma online

A plataforma online do condomínio pode ajudar de forma satisfatória na hora de quitar as suas taxas. Antes de tudo, o síndico precisa disponibilizar as taxas no canal. Após isso, você pode acessá-las para fazer o pagamento, o que facilita muito a sua vida.

Com essa opção, você não precisa ficar esperando a conta chegar à sua casa. No momento de pagar, você apenas acessa a plataforma e efetua o pagamento. Tendo em mãos um bom planejamento, consegue efetuar o pagamento antes da data prevista.

Pare de depender do envio de boletos físicos

O boleto sempre foi a forma mais utilizada para realizar pagamentos, mas com as inovações tecnológicas isso mudou. Agora, um pagamento pode ser realizado apenas com uma “chave”. Nesse sentido, o pagamento da taxa é simplificado, e você consegue fazê-lo rapidamente por meio de um celular, por exemplo.

Para quem deseja rapidez e simplicidade, essa é a melhor alternativa. Você não precisa sair de casa e ficar horas na fila de um banco para fazer um pagamento, como no boleto. Lembre-se de que simplificar as coisas é fundamental para evitar uma possível inadimplência. Muitas vezes, a preguiça faz com que o pagamento seja atrasado. Assim, não dependa mais de boletos físicos e busque por melhores alternativas.

Uma boa maneira de simplificar essa tarefa é o pagamento automático da taxa de condomínio no cartão de crédito. Além de diminuir a inadimplência por esquecimento, essa opção facilita o pagamento, já que efetua o débito automático no cartão. Para isso, basta que o morador cadastre os seus dados do cartão para que a mensalidade seja cobrada mensalmente. Isso ajudará no desenvolvimento do seu condomínio, e o administrador conseguirá pagar todas as contas em dia.

Por fim, destacamos que é preciso contar com uma certa ajuda para fazer o pagamento das taxas condominiais. Elas são muito importantes, pois afetam o lugar em que você mora, e ninguém deseja residir em um local que não tem dinheiro para pagar as contas de necessidades básicas. A Guarida é uma empresa do ramo imobiliário que traça estratégias de pagamento eficientes para seus moradores, a fim de garantir uma boa qualidade de vida a todos.

Gostou do nosso post? Então, aproveite para entrar em contato conosco para saber mais a respeito do assunto!

Posts relacionados

Deixe um comentário