fbpx
mercado imobiliário 2022 mercado imobiliário 2022

5 tendências do mercado imobiliário 2022 que você deve ficar de olho

6 minutos para ler

O mercado imobiliário 2022 promete grandes inovações, sendo assim é preciso ficar atento a elas para que os processos de vendas ocorram da forma mais eficiente. É importante ressaltar que nos dois últimos anos houve uma retração do mercado imobiliário por causa da pandemia, mas com o avanço da vacinação essa realidade está sendo transformada. 

Assim, o ano de 2022 será promissor para o setor. Com as mudanças ocorridas no país nos últimos anos, muitos clientes mudaram seus gostos. Assim, o setor imobiliário passou por algumas modificações, com o objetivo de cumprir o desejo dos público-alvo. Continue a leitura e conheça as principais tendências do mercado imobiliário para 2022! 

Como foi o mercado imobiliário 2021 e o que se espera para 2022? 

Não podemos deixar de mencionar que a pandemia enfrentada em todo mundo afetou o setor imobiliário. Mas no país diversas empresas conseguiram se sobressair com algumas adaptações. O avanço da tecnologia contribuiu para os resultados positivos. 

Com a população sendo vacinada, a economia retorna de forma lenta e gradual. Assim, já se espera que o mercado imobiliário melhore ainda mais, uma vez que é uma das áreas responsáveis pelo crescimento do Brasil. Além disso, diversos estímulos econômicos realizados para potenciar o seu desenvolvimento. 

Já é perceptível o crescimento na venda de imóvel em diversas regiões do país. Logo, no ano de 2022 esse crescimento tende a melhorar. Já que as pessoas estão voltadas para suas atividades. 

Não podemos deixar de frisar que diversos cidadãos brasileiros perderam seu emprego nos últimos dois anos, com isso houve uma grande retração na área. Porém, muitos já se adequaram à nova realidade e conseguiram se sobressair da crise. Desse modo, alguns já estão a procura de um imóvel confortável para residir. 

Dessa maneira, espera-se que no ano de 2022 o setor volte a se estabilizar. Entretanto, muitos pontos do mercado sofreram alteração, como a forma de vender ou de alugar os imóveis. Assim, as imobiliárias já precisam se adequar para o próximo ano. 

Quais as principais tendências para o mercado imobiliário em 2022? 

Como já foi mencionado, o mercado imobiliário passa por diversas mudanças. Nesse contexto, é válido conhecer as principais tendências para o próximo ano, isso ajudará o seu posicionamento no mercado e garantirá mais vendas. Confira! 

1. Mercado imobiliário digital 

Uma das tendências do mercado imobiliário 2022 é na parte digital, isto é, a maneira de comprar e vender os imóveis mudaram. O isolamento social contribui para o surgimento de novos hábitos e no setor imobiliário isso não foi diferente. 

Nesse sentido, as corretoras precisam adequar suas atividades para a nova tendência. Para isso, é necessário ter uma plataforma preparada para fazer a negociação com os clientes. Já é tendência que o financiamento imobiliário seja realizado de forma online. 

2. Busca por espaços maiores 

Muitas pessoas precisaram ficar em casa no período da pandemia, assim muitas delas perceberam a necessidade de um imóvel com mais espaço. Quem precisou trabalhar dentro de casa, sentiu falta de um cômodo para fazer suas obrigações com mais tranquilidade. 

Nesse panorama, as pessoas estão buscando por locais maiores, em que exista a possibilidade de investir mais na infraestrutura do próprio lar. Mesmo que as atividades voltem ao normal com a vacinação, ainda tem o interesse em escolher um imóvel mais amplo. 

3. Processos menos burocráticos 

Normalmente, os clientes precisavam ir até a imobiliária para iniciar o processo de compra de um imóvel. Assim, ele deixava claro as suas necessidades e o corretor oferecia as opções de imóveis que existiam em sua cartela. 

Após essa etapa, diversas visitas eram realizadas no local e, a partir da escolha do imóvel, iniciava um longo processo burocrático, seja para efetivar uma compra ou um aluguel, mas isso tende a mudar no próximo ano. As instituições que desejam se destacar no mercado precisam se adequar às novas necessidades dos consumidores, que buscam cada vez mais agilidade e eficiência. 

Por causa do distanciamento social, as pessoas descobriram uma nova maneira de negociar e de escolher o imóvel dos seus sonhos, ou seja, a maneira online e totalmente desburocratizada. O que antes era feito com muitas idas e vindas, hoje pode ser executado sem sair de casa. Esse serviço já não será um diferencial, mas uma necessidade do mercado. 

4. Procura por imóveis com áreas de lazer 

Um outro ponto que mudou no período de distanciamento social foi a procura por imóveis com áreas de lazer e com espaço para realizar home office. Um imóvel com essas características consegue proporcionar mais comodidade para as pessoas que precisam trabalhar em casa, o que o deixa mais atrativo para os profissionais liberais. 

Imóveis com espaços para deixar as crianças à vontade e para comemorar algo com a família são os mais buscados no mercado, uma vez que a pandemia mudou o dia a dia dos indivíduos, foi preciso se adaptar à nova realidade, como ficar mais tempo em casa. 

5. Sustentabilidade 

 A busca por imóveis que apostam na sustentabilidade cresceu nos últimos meses. Pois, eles contribuem para o meio ambiente e ajudam a minimizar as contas mensais, como luz e água. 

Além do mais, as residências que investem em automação têm ganhado ainda mais destaque no mercado. Visto que é uma alternativa para reduzir o consumo, garantir aos moradores mais segurança e praticidade para o dia a dia. As ações inteligentes de acender e apagar a luz de forma automática facilita significativamente a rotina dos moradores. 

Portanto, as empresas precisam acompanhar as tendências do mercado imobiliário 2022 para conseguir proporcionar um bom atendimento ao cliente. Hoje em dia, eles estão buscando mais agilidade nos processos, uma vez que a pandemia favoreceu o uso das ferramentas tecnológicas. Logo, se tornou mais fácil realizar uma transação. Quem não apresenta esses pontos, acabam ficando para trás. Além do mais, é preciso satisfazer a exigência dos clientes em relação aos imóveis. Sendo assim, procure ter uma cartela que abrange esse novo desejo. 

Gostou do conteúdo? Então, compartilhe o post em suas redes sociais para seus amigos ficarem por dentro! 

Posts relacionados

Deixe um comentário